Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Economia
Prepare o bolso: Petróleo tende a subir com inverno no Hemisfério Norte, diz ministro
O petróleo e a variação do dólar afetam os preços dos combustíveis no Brasil.
Jornal do Comércio
por  Jornal do Comércio
10/11/2021 21:22 – atualizado há 35 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, disse na terça-feira (9) que o preço do petróleo, que já subiu cerca de 60% neste ano, tende a avançar ainda um pouco mais com a chegada do inverno ao Hemisfério Norte - o petróleo e a variação do dólar afetam os preços dos combustíveis no Brasil.

Ele argumentou: "Preços dos combustíveis. O que ocorreu? Por que houve aumento? Principalmente pela alta do petróleo, 60% só em 2021, e com tendência, com a chegada do inverno no Hemisfério Norte, de subir um pouco mais".

O preço médio da gasolina nos postos do País subiu 2,25% na semana passada, chegando a R$ 6,710 o litro, conforme levantamento divulgado na segunda-feira pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O valor máximo foi de R$ 7,999, no Rio Grande do Sul.

A escalada de preços é reflexo do reajuste no valor da gasolina e do diesel feito pela Petrobras, em vigor desde 26 de outubro. Por conta do reajuste, o preço do litro do diesel subiu 2,45% nos postos brasileiros na semana passada, chegando a uma média de R$ 5,339. O preço máximo foi de R$ 6,700 o litro, em Cruzeiro do Sul (AC).

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...