Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Entretenimento
Museu Histórico Farroupilha inaugura coleção de peças da Guerra dos Farrapos neste sábado (11)
O evento está marcado para sábado (11/9), às 10h, data que celebra os 185 anos da proclamação da República Rio-Grandense.
Governo RS
por  Governo RS
10/09/2021 19:20 – atualizado há 1 mês
Continua depois da publicidadePublicidade

O Museu Histórico Farroupilha, localizado em Piratini, se prepara para inaugurar a coleção TcheVoni, que resgata fragmentos históricos da Revolução Farroupilha (1835-1845). O acervo foi doado pelo colecionador Volnir Júnior dos Santos, mais conhecido como TcheVoni. O evento está marcado para sábado (11/9), às 10h, data que celebra os 185 anos da proclamação da República Rio-Grandense. Será uma cerimônia restrita a convidados e imprensa, obedecendo aos protocolos de prevenção à Covid-19.

Foto: Divulgação MHF


TcheVoni estará no Estado na condição de hóspede oficial e será recebido pela secretária da Cultura, Beatriz Araujo, e pela diretora do Museu Farroupilha, Francieli Domingues. Na ocasião, também ocorrerá o descerramento do quadro Fuga de Anita Garibaldi a cavalo, de Dakir Parreiras (1894-1967), restaurado pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel), por meio de um acordo de cooperação técnico-científico firmado com a Secretaria da Cultura (Sedac) em 2019.

O acervo conta com quase mil peças, entre livros, espadas, balas de canhão, documentos, moedas e itens comemorativos do período farroupilha. O público poderá conferir de perto a coleção a partir de 12 de setembro (de terça a sexta-feira, das 9h às 11h30 e das 13h30 às 17h; sábados e domingos, das 14h30 às 17h), mediante agendamento.

Em 2019, TcheVoni teve a ideia de levar o acervo para Piratini. Pelas redes sociais manifestou o interesse de transformar o Museu Farroupilha na casa definitiva da coleção. Foi aí que Beatriz e Francieli iniciaram as tratativas com Volnir, um gaúcho aficionado pela saga farroupilha, que reside em Natal (RN).

"É um novo tempo em nossa instituição. É parte da República Rio-Grandense voltando para casa. O dia 11 de setembro ficará marcado em nossos corações como o início de uma nova era. E é possível dizer que passaremos a contar com a maior coleção da Revolução Farroupilha entre todas as instituições museológicas", comemora Francieli.

Com entusiasmo, a secretária Beatriz fala de sua expectativa para o dia 11 de setembro: "Tenho certeza que será um momento de grande alegria e emoção, uma vez que estaremos diante de peças históricas de tamanha relevância, que mudarão para sempre o Museu Histórico Farroupilha, bem como contribuirão para aprofundar o conhecimento acerca da saga farrapa".

Quadro restaurado

A restauração da obra Fuga de Anita Garibaldi a cavalo envolveu 20 alunos do bacharelado em Conservação e Restauração de Bens Culturais do Instituto de Ciências Humanas da UFPel, que tiveram a oportunidade de trabalhar nesta importante obra do acervo do Museu Farroupilha. Fazem parte da equipe os restauradores Keli Scolari e Fabio Galli.

quadro Fuga de Anita Garibaldi a Cavalo
O quadro "Fuga de Anita Garibaldi a Cavalo" foi restaurado pela UFPel - Foto: Andréa Bachettin/Divulgação Sedac

"Foi uma oportunidade única na formação dos alunos que devolvem à comunidade este patrimônio de todos os gaúchos. Foi restabelecida a integridade física e estética da obra, através dos processos de restauração", avalia a coordenadora do Departamento de Museologia e Conservação e Restauro do ICH/UFPel, Andréa Bachettini.

Beatriz recorda que após alguns anos de trabalho, em 2011, na condição de produtora cultural, concluiu o projeto que possibilitou a restauração completa do Museu Histórico Farroupilha e enaltece a parceria firmada com a UFPel. "Chegando à Sedac como secretária, meu primeiro ofício foi à UFPel, solicitando apoio para a restauração de duas obras de arte daquele museu, as quais estavam aguardando restauro num dos torreões do Museu de Arte do Rio Grande do Sul (Margs) há muitos anos e sem qualquer perspectiva de conclusão. Agora, com esta doação extraordinária e a qualificação das instalações do museu, penso que encerro um trabalho de mais de uma década, que por vezes me deu muita preocupação, mas também muitas alegrias. Nestas horas a gente percebe que todo o esforço é recompensado. Piratini agora passa a ser uma referência para pesquisadores e pessoas interessadas em conhecer um pouco mais da nossa história", afirma.

Parcerias e qualificação

Após a consolidação das tratativas para a doação do acervo, Beatriz passou a envidar esforços para trasladar a coleção até Porto Alegre. Na Sedac, o acervo passou por catalogação e foi adicionado ao patrimônio do Estado. Para isso, contou com a intermediação do atual secretário de Turismo, Ronaldo Santini – que na época cumpria mandato de deputado federal –, que viabilizou o transporte aéreo com a Força Aérea Brasileira (FAB) e terrestre por meio do Exército. O trabalho de catalogação foi realizado pela equipe do departamento de Memória e Patrimônio da Sedac, sob a supervisão do assessor especial Eduardo Hahn.

Antes de receber a coleção TcheVoni, o Museu Histórico Farroupilha passou por melhorias físicas na reserva técnica, que impactaram no mobiliário e na segurança, qualificando a guarda e a exposição dos objetos. Os recursos foram provenientes de emenda parlamentar de R$ 100 mil apresentada, em 2019, pelo deputado estadual Luiz Henrique Viana, atual secretário do Meio Ambiente e Infraestrutura. O recurso permitiu a compra de mobiliário e mostruários para acomodar o novo acervo, bem como a instalação de sistema de alarme.

O museu

Fundado em 1953, o Museu Histórico Farroupilha é considerado um pilar fundamental para construção da identidade gaúcha. Seu acervo é um dos principais narradores do episódio divisor de águas da história do Estado, a Guerra dos Farrapos, e a formação da República Rio-Grandense. Configura-se em uma matriz para pesquisas de valor histórico e científico e em equipamento cultural e turístico de Piratini.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...